CROSSFIT GAMES - 2016

 

A cidade de Carson, Carlifórnia, recebeu nos dias 19 a 24 de julho a sétima edição do Crossfit Games, principal competição mundial da modalidade. Durante seis dias atletas de diversas categorias travaram disputas nas já conhecidas estruturas do local, como o Rancho e o complexo esportivo StubHub Center.

 Crossfit Games 2016

Engana-se quem pensa que o caminho até os Games é tranquilo. Para chegar lá os atletas passaram por várias etapas, desde o Open, onde os resultados são apurados de forma descentralizada, mediante registro das informações no site da entidade organizadora, até os Regionais, realizados em localidades específicas, última barreira antes do ticket de entrada para os Games.

 

As categorias Teens e Masters, disputadas na parte inicial do calendário, novamente demonstraram o crescimento e desenvolvimento do esporte em todas suas faixas etárias. O Brasil foi representado por Luiza Marques na Teens Girls 14-15, 8º lugar na classificação geral, e na Master Women 45-49 por Daniela Watanabe, em seu segundo ano consecutivo, e Cris Tourinho, que alcançou um inédito e surpreendente Top 10.

 

Na disputa por equipes o domínio foi completo da Crossfit Mayhem, equipe bicampeã que contou com a presença de ninguém menos que Rich Froning, maior campeão individual de todos os tempos e lenda do esporte.

 

Após dois vice-campeonatos seguidos, perdendo o título em 2.015 de forma dramática, o americano Mathew Fraser foi o grande vencedor da categoria individual masculino, batendo seu compatriota e atual campeão Ben Smith com facilidade, terminando 197 pontos na frente do segundo colocado.

Fraser

 

Se no masculino o resultado foi inédito, para as mulheres da categoria individual o Iceland Power mostrou mais uma vez sua força com a islandesa Katrin Tanja conquistando o bicampeonato, deixando mais uma vez para tras a australiana Tia-Cliar Toomey, vice nas edições 2.015 e 2.016. Fato curioso é que Toomey além de crossfiter, também representou seu país nas olimpiadas Rio 2016, na categoria até 58kg do levantamento de peso.

 

Katrin

 

Os vencedores individuais receberam a simpática quantia de 275 mil dólares cada, além de um polemico “brinde” fornecido por um dos patrocinadores do evento, uma pistola automática da marca Glock.